Avaliação do conhecimento de crianças do 3° ao 5° ano do ensino fundamental com relação à importância da higiene das mãos antes das refeições em uma escola estadual de Campinas – SP

Mônica Fernanda Favacho Delgado, Vanessa Fernandes Coutinho, Renato Ribeiro Nogueira Ferraz

Resumo


Segundo o Ministério da Saúde “ter mãos limpas é um direito e um dever” e para promover práticas sociais e de saúde e ensinar hábitos de higiene através de ações educativas, a escola é o espaço ideal. Esse trabalho tem como objetivo avaliar o conhecimento de crianças do 3° ao 5° ano do ensino fundamental, com relação à importância da higiene das mãos na escola. O estudo é do tipo descritivo, de caráter quantitativo, a pesquisa foi realizada, no período de 16 a 18 de outubro de 2017, no turno vespertino, na sala de aula de cada turma, a população foram os alunos matriculados regulamente na escola, a amostra contou com a participação de 172 alunos, foi aplicado um questionário do tipo fechado e constituído de onze questões. No estudo observou-se que grande parte dos alunos conhece a prática de lavagem de mãos e acham de extrema importância realizá-la. A maioria dos alunos lava a mão depois de utilizarem o banheiro e quando chegam à escola e realizam está lavagem com água e sabão e utilizam álcool em gel após essa prática e tem conhecimento que a não realização da higiene das mãos, pode acarretar em adquirir doenças contagiosas. Constatou-se que, a escola e a família são pilares para esse conhecimento. Atualmente a maioria das contaminações em crianças vem sendo causada por falta de higienização das mãos, aumentando o número de doenças diarréicas e respiratórias. Tornando-se fundamental a promoção de saúde no ensino para conscientização e prevenção de doenças.


Palavras-chave


Nutrição. Segurança Alimentar e Nutricional. Higiene. Mãos. Escolas.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.