Relato de casos de síndrome de Guillain-Barré provenientes da cidade de Atibaia – SP
PDF

Palavras-chave

Pediatria
Genética
Síndrome de Guillain-Barré
Diagnóstico
Conduta Médica
Tratamento.

Como Citar

Moreira, B. S., & Guerra, P. (2019). Relato de casos de síndrome de Guillain-Barré provenientes da cidade de Atibaia – SP. International Journal of Health Management Review, 5(2). https://doi.org/10.37497/ijhmreview.v5i2.159

Resumo

Introdução: A síndrome de Guillain-Barré (SGB) é uma doença autoimune de etiologia não claramente conhecida. Caracterizada por comprometimento inflamatório agudo dos nervos periféricos e craniais, levando à debilidade simétrica progressiva e ascendente dos membros, podendo também apresentar formas atípicas de evolução. Objetivo: Relatar os casos de dois pacientes pediátricos acometidos pela SGB, com apresentações iniciais e evoluções distintas. Método: Análise de prontuários, descrevendo suas evoluções, diagnósticos, tratamentos e intervenções terapêuticas. Pretende-se, com a realização desta pesquisa, contribuir para o conhecimento relacionado à evolução e confuta pediátrica junto a pacientes som SGB. Descrição dos casos: Comparando os casos clínicos, foi possível identificar diferenças em relação à sintomatologia e evolução. O primeiro caso permaneceu na UTI por 40 dias, ventilação mecânica por 21 dias e no setor da enfermaria por 13 dias. O segundo caso apresentou sintomas e apresentação inicial compatível com a literatura, diagnóstico rápido e fácil. Realizado exame de imunoglobulina humana, permaneceu 06 dias em enfermaria, com evolução sem sequelas. Considerações finais: Até o presente momento, ambos os pacientes vêm apresentando bom prognóstico. O primeiro paciente, com algumas limitações físicas, realizando fisioterapia motora, já sem traqueostomia. O segundo, realizando suas tarefas diárias desde a alta hospitalar.
https://doi.org/10.37497/ijhmreview.v5i2.159
PDF

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:

O(s) autor(es) autoriza(m) a publicação do texto na da revista;

O(s) autor(es) garantem que a contribuição é original e inédita e que não está em processo de avaliação em outra(s) revista(s);

A revista não se responsabiliza pelas opiniões, idéias e conceitos emitidos nos textos, por serem de inteira responsabilidade de seu(s) autor(es);

É reservado aos editores o direito de proceder a ajustes textuais e de adequação às normas da publicação.

Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Licença Creative Commons Attribution que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.

Autores têm autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não-exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista (ex.: publicar em repositório institucional ou como capítulo de livro), com reconhecimento de autoria e publicação inicial nesta revista.

Autores têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho online (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal) a qualquer ponto antes ou durante o processo editorial, já que isso pode gerar alterações produtivas, bem como aumentar o impacto e a citação do trabalho publicado (Veja O Efeito do Acesso Livre) em http://opcit.eprints.org/oacitation-biblio.html