Análise do desperdício na dispensação dos medicamentos antimicrobianos na atenção primária: uma abordagem sobre o benefício do fracionamento

Willian Couto, Marcia Cristina Zago Novaretti

Resumo


O fracionamento de medicamentos é uma ferramenta estratégica que tem como objetivo proporcionar o uso racional de medicamentos, pois permite a dispensação do número exato de unidades farmacêuticas. Trata-se de uma pesquisa exploratória descritiva documental com análise quantitativa. O objetivo é analisar a quantidade de medicamento desperdiçada e sua perda financeira. O desperdício global representou 59,6%. Foram desperdiçadas 1003 UF, que correspondem a R$ 418,71 (US$ PPP 187,67). A estimativa mensal desperdiçada foi de 186.013 UF com valor de R$ 74.022,67 (US$ PPP 32.942,79), o desperdiço anual de 2.232.156 UF que representa uma perda de R$ 888.272,04 (US$ PPP 395.323,56). O fracionamento de medicamentos demonstrou ser uma estratégia que possibilita gestores administrar melhor os recursos da saúde

Palavras-chave


Gestão; Medicamentos; Desperdício; Fracionamento; Embalagem

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.