O uso de canabinoides no tratamento da dor em pacientes com doença falciforme
PDF

Palavras-chave

Cannabis sativa
Maconha Medicinal
Doença Falciforme
Analgesia

Como Citar

Gomes, B. C., De Mendonça, R. M. H., & Verissimo, M. P. de A. (2022). O uso de canabinoides no tratamento da dor em pacientes com doença falciforme. International Journal of Health Management Review, 8(1). https://doi.org/10.37497/ijhmreview.v8i1.302

Resumo

A Doença Falciforme (DF) é caracterizada por dor crônica com crises vaso oclusivas dolorosas aguda intermitente. Recentemente, vários novos medicamentos demonstraram eficácia na prevenção ou redução da frequência de crises de dor vaso-oclusiva. No entanto, as terapias para a dor crônica na DF permanecem pouco investigadas. Os opioides continuam sendo base do tratamento, apesar das desvantagens que incluem constipação, prurido, depressão respiratória e risco de dependência. Dentre as opções para o tratamento de várias condições dolorosas, os canabinoides têm sido cada vez mais considerados e podem ser uma opção para o tratamento da dor na DF. O objetivo deste estudo foi determinar a extensão do uso de Cannabis sativa para o alívio da dor e outros sintomas e seus efeitos colaterais em pacientes com DF.

O presente estudo utilizou a plataforma PubMed, conduzindo uma revisão de literatura a partir de pesquisas bibliográficas de artigos publicados utilizando com descritores “cannabinoid and sickle cell disease”, “cannabis and sickle cell disease” e “marijuana and sickle cell disease”.

Os estudos estabelecem uma base lógica para a investigação dos possíveis efeitos terapêuticos da C. sativa ou canabinoides na DF. A maconha medicinal pode reduzir o uso ilegal de maconha e os riscos e custos relacionados para pacientes com doença falciforme.

https://doi.org/10.37497/ijhmreview.v8i1.302
PDF
Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 International Journal of Health Management Review