Revisão Sistemática Contemporânea de Políticas Públicas para Saúde do Idoso
PDF

Palavras-chave

Políticas Públicas
Saúde do Idoso
Revisão

Como Citar

Caetano Júnior, M. A., Silva, G. B. e, & Paschoalotto, M. A. C. (2016). Revisão Sistemática Contemporânea de Políticas Públicas para Saúde do Idoso. International Journal of Health Management Review, 2(2), 109–124. https://doi.org/10.37497/ijhmreview.v2i2.75

Resumo

Objetivos. Descrever as características metodológicas e assuntos abordados nos artigos acadêmicos recentes (2011-2015) que conciliam saúde do idoso e políticas públicas. Investigar as tendências de publicações para o avanço científico.

Métodos. Bases de dados: PubMed, LILACS, SciELO e Oxford Press Journals. Combinações de descritores de busca avançada: “elderly”; “public policy”; “Date: 2011-2015”. Critérios de inclusão para descrição: metodologia claramente definida, escopo geográfico de política identificável, texto disponível na íntegra ou resumo contendo informações necessárias. Os estudos selecionados foram analisados por tipo de abordagem metodológica, ano de publicação, abrangência da política e assunto relacionado à políticas públicas em três categorias (a – adequação de políticas públicas; b - regulamentação, legislação, inspeção, investimento e orçamento público; c - políticas de qualidade de vida e bem estar).

Resultados. Somando-se os resultados de busca das quatro bases dados foram obtidos 178 documentos, sendo 19 repetições e 64 identificações fora dos critérios de inclusão, totalizando 95 artigos descritos, sendo 6 em profundidade. O ano com maior quantidade de publicações foi 2013 (35%). Há um equilíbrio entre publicações qualitativas (52%) e quantitativas (48%). Foi detectado predominância de artigos nos quais o assunto provê informações para adequação de políticas (47%). A maioria das contribuições é original (71%). A abrangência geográfica nacional foi a mais estudada (43%).

Conclusões. Os estudos para a população idosa são de extrema relevância para a academia devido a necessidade de melhoria dos serviços públicos. Há uma forte tendência para pesquisas de contribuição original. É evidente a diversidade e o potencial de exploração do tema.
https://doi.org/10.37497/ijhmreview.v2i2.75
PDF

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:

O(s) autor(es) autoriza(m) a publicação do texto na da revista;

O(s) autor(es) garantem que a contribuição é original e inédita e que não está em processo de avaliação em outra(s) revista(s);

A revista não se responsabiliza pelas opiniões, idéias e conceitos emitidos nos textos, por serem de inteira responsabilidade de seu(s) autor(es);

É reservado aos editores o direito de proceder a ajustes textuais e de adequação às normas da publicação.

Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Licença Creative Commons Attribution que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.

Autores têm autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não-exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista (ex.: publicar em repositório institucional ou como capítulo de livro), com reconhecimento de autoria e publicação inicial nesta revista.

Autores têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho online (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal) a qualquer ponto antes ou durante o processo editorial, já que isso pode gerar alterações produtivas, bem como aumentar o impacto e a citação do trabalho publicado (Veja O Efeito do Acesso Livre) em http://opcit.eprints.org/oacitation-biblio.html