Adesão da equipe de enfermagem na higiene das mãos

Ana Maria Jorge, Chennyfer Dobbins Abi Rached

Resumo


Atualmente, um dos maiores problemas relacionados a segurança do paciente em todo o mundo é a infecção cruzada. O principal meio de transmissão de patógenos responsáveis por infecções nosocomiais são as mãos. A higienização das mãos é ma das medidas preventivas mais eficazes para prevenir as infecções, mas apenas 50% dos profissionais da área da saúde adotam essa medida. O objetivo deste trabalho é descrever os benefícios que a prática da higienização das mãos proporciona para o cliente, profissional de enfermagem e instituição. A pesquisa foi realizada por revisão bibliográfica desenvolvida através de publicações cientificas preferencialmente, no período de 2012 a 2018, utilizando para levantamento dos dados as bases de dados Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS), BDENF do portal da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS-BIREME) e base de dados Scientific Electronic Library Online (SCIELO). Esta análise de revisão literária ampliou conceitos sobre a importância da prática da higienização das mãos pelos profissionais da área da saúde.


Palavras-chave


Enfermagem higienização das mãos, lavagem das mãos, contaminação cruzada hospitalar, prevenção de doenças nosocomiais.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.